Aniversário em Hollywood: Johnny Depp!

Kin . Há 11 meses atrás

Hoje é nada mais nada menos do que o aniversário de um dos rostos mutáveis mais famosos de Hollywood! e por isso, nada mais justo que nós da Nerd com Dendê contarmos um pouquinho mais da história desse ícone.

John Christopher Depp II nasceu no dia 9 de junho de 1963, em Owensboro, uma cidade do Kentucky. Filho de John Christopher Depp, que era um engenheiro, e de Betty Sue Palmer, uma garçonete. Johnny tinha três irmãos; Daniel, Debbie e Christi. Aos 13 anos, Depp mudou-se para a Flórida – depois da separação dos seus pais – com seus irmãos, o que afetou sua vida seriamente (o que era claramente expressado numa guitarra, que havia ganhado dos seus pais um ano antes desse acontecimento). Foi desde essa época que o sonho de Johnny era se tornar um guitarrista, ele usava isso como desculpa para não ter que ir para a escola. Quando completou 16 anos, formou sua primeira banda, intitulada de The flames, mas logo mudou para The kids, e por fim, Six Gun Method

Com 20 anos, Depp foi para Los Angeles, onde conheceu a maquiadora Lori Anne Allison, em 1983, e acabou se casando com ela. Foi Lori que apresentou Depp a Nicolas Cage, que acabou o levando para o teste de casting do filme “A Nightmare on Elm Street”. Lá onde Johnny conseguiu o papel de Glenz Lantz, que não era um papel de tanto destaque. Glenz era o namorado da protagonista Nancy, que foi interpretada por Heather Langenkamp. Porém, fez com que Cage se tornasse um grande amigo do estreante no cinema.

( Glenz Lantz em A Nightmare on Elm Street – 1983 )

Foi a partir disso que Johnny começou a aparecer nos holofotes, e como fez amizade com grandes nomes de Hollywood, como Robert Downey Jr, Johnny Cash, Leonardo Di Caprio, Helena Bonhan Carter, Wynona Ryder, Al Pacino, e o seu grande melhor amigo, Marilyn Manson. Nos anos noventa, até chegou a ser considerado o mais novo sex symbol da época, já foi eleito como o homem mais sexy do mundo pela revista people, duas vezes, em 2003 e 2009. Além da sua carreira que ia de vento em poupa, em 1987 e 1990, no seriado “21 Jump Street”, foi convidado para dar vida ao policial Tom Hanson, mas Depp recusou pois não tinha interesse em trabalhar com seriados, outro ator então foi convidado e aceitou, mas ninguém gostou verdadeiramente da atuação e anos depois Johnny foi convidado novamente e aceitou. Todas as cenas foram regravadas, e foi regravando essas cenas que Johnny ganhou ainda mais notoriedade, e logo foi considerado o mais novo Sex Symbol da época e um grande ídolo Juvenil.

 

Em 1990 Deu vida ao famoso “Edward Mãos de tesoura“, o filme e a atuação de Johnny foram considerados os melhores da década e trouxe ainda mais prestígio e reconhecimento ao ator, além de ter sido onde ele passou a fazer grandes parcerias no cinema, principalmente entre Tim Burton e Marilyn Manson – estes que até hoje são considerados pelo próprio ator, seus melhores amigos -. O filme de Edward custou pouco mais de 20 bilhões de dólares e o lucro foi quase cinco vezes maior. Em entrevista recente, Tim Burton ainda diz que é o melhor filme que ele já fez na vida, e que era como se Edward tivesse sido feito para ser interpretado por Depp, que aliás, rendeu seu primeiro globo de ouro. Saiba mais sobre o icônico filme nesse post da NcD, clicando aqui! e sobre o próprio Tim Burton aqui!

( Edward em Edward Mãos de Tesoura – 1990 )

Em 1991, Johnny teve a oportunidade de reviver seu primeiro papel na vida, Glenz Lantz, no filme “A hora do pesadelo – Pesadelo Final”. Em 1993, atuou em “Gilbert Grape – Aprendiz de sonhador” que foi onde marcou o início da carreira de Leonardo DiCaprio, que deu vida ao autista Arnie Grape. No mesmo ano Johnny atuou em “Benny & Joon- Corações em conflito” onde interpretou Sam, que lhe deu a segunda nomeação ao Globo de Ouro com a categoria de melhor ator de Comédia/Musical, e muitas e muitas críticas positivas por sua atuação. Em 1994, dirigido pelo amigo Tim Burton, o filme ” Ed Wood” foi também estrelado por Johnny, que relata as produções dos filmes de Edward Davis Wood Jr. Sua atuação foi novamente considerada uma das melhores de sua carreira, e por isso, mais uma vez foi indicado ao Globo de Ouro, o que elevou consideravelmente seu nome em Hollywood. E em entrevista, Burton relatou que fez essa homenagem a Ed porque o diretor foi uma de suas principais obras, incluindo o aclamado “Edward Mãos de tesoura.” Saiba mais sobre a amizade de Tim e Johnny em outro post da NcD, clicando aqui! 

( Johnny em 1999 ao ser homenageado com seu nome na calçada da fama.)

Em 2000 ele estrelou “Chocolate” e compôs duas músicas com Rachel Portmann para o filme, retomando assim um pouco de sua vida musical. Em 2001, atuou em “Profissão de Risco”, e finalmente em 2003, Johnny deu vida ao seu segundo personagem lendário e mais conhecido, o famoso Capitão Jack Sparrow, em “Piratas do caribe – A maldição do Pérola Negra“. Em entrevista, o ator diz que criou o personagem se inspirando no seu ídolo, o Guitarrista da banda “The Rolling Stones” Keith Richards, que depois se disse honrado com a homenagem.

( Jack Sparrow em Piratas do Caribe – 2003)

Em 2005, foi lançada a refilmagem da “Fantástica Fábrica de Chocolates”, em 2006 e 2007 vieram as continuações de “Piratas do Caribe”, além do musical “Sweeney Todd: O Barbeiro Demoníaco da Rua Fleet“, de Tim Burton. Em 2010, Johnny fez o Chapeleiro Maluco em “Alice no País das Maravilhas” e também atuou com Angelina Jolie no filme “O turista”. Em 2011 foi eleito o ator da década. No mesmo ano, ele dublou a animação “Rango” e foi lançada mais uma continuação de Piratas do Caribe. Já em 2012, ele trabalhou com Tim Burton em “Sombras da Noite”; no mesmo ano foi lançado “Anjos da Lei”, onde ele novamente atuou como Tom Hanson, e em 2013 veio o filme “O cavaleiro solitário”. Em 2015, lançou “Aliança do Crime”, que também rendeu prêmios ao ator.

Em 2016, voltou a ser o Chapeleiro Maluco em “Alice Através do Espelho“. E foi só em 2016 que Johnny atuou brilhantemente como Gellert Grindelwald em “Animais fantásticos“, um spin off de “Harry Potter” escrito por J.K. Rowling.

A vida pessoal de Johnny também foi movimentada, cheia de romances, como com Wynona Ryder, Kate Moss e Vanessa Paradis, que é a mãe dos seus dois filhos (Lily Rose e Jack Depp) e o mais recente e problemático casamento com Amber Heard, que há pouco ainda estava sendo processada por difamação e abuso doméstico. Depp também foi convidado pela grife francesa Dior para ser o rosto da fragrância “Sauvage“, onde mostrou também seus dotes sendo modelo.

Por fim, Depp também é músico, e teve diversas bandas desde sua adolescência, até que montou uma banda com Alice Cooper e Joe Perry intitulada como “Hollywood Vampires”, que atualmente faz shows pelo mundo e já até chegou a tocar no Rock in Rio, em 2015. Tem sua própria produtora de filmes, que leva o nome de “Infinitum Nihil”, onde seus irmãos trabalham com ele, e Christi Dembrowski, sua irmã, é a presidente.

Johnny ainda atua, ainda escreve e dirige, ainda faz músicas e toca seu rock n’ roll pelo mundo. Além disso, namora uma bela coreógrafa russa. Seu legado, com toda certeza, será lembrado por muitas e muitas eras, como o homem de mil faces e ilustrou perfeitamente cada um dos personagens especiais. Muitos dizem que ele é o sinônimo da quinta arte. Entre polêmicas e gente que não gosta do seu trabalho, ele construiu uma carreira brilhante, mostrando seus talentos e seu esforço, além daquele sorrisinho lindo!

Hora de soprar as velinhas pra esse eterno galã de Hollywood, e se eu posso indicar um filme desse homem incrível pra vocês assistirem, eu indicaria um filme que não chegou a ser citado, chamado “Janela Secreta“. Assistam e me contem o que acharam! Happy Birthday, Deep!

Mineira do centro-oeste, 24, quase web-designer. Geminiana do riso frouxo, floriculturista, amante de doguinhos, hard-rock e de metal mas não se engante! Se encontra de tudo no meu spotify, defensora fiel do Johnny depp, rpgista, e a doida do futebol que não perde a oportunidade de assistir uma Disney periodicamente.

Comentários