GHOST: “sedutoramente liso e memorável”

Alasca . Há 9 meses atrás

Hoje o álbum Meliora, da banda sueca Ghost, completa 5 anos de lançamento. O álbum teve seu lançamento em 21 de Agosto de 2015, pela Eastwest Studios, Califórnia. 

Ghost

Produzido por Klas Ahlund, o álbum foi muito bem recebido pelos fãs, ganhando na categoria Hard Rock/Metal, além outras, no Grammy Awards sueco. Em 2016 foi relançado em uma edição especial chamada Meliora Redux.

Sendo seguimento de Infestissumam de 2013, na mesma época enquanto a banda experimentava um novo equipamento de guitarra, criaram um riff com um efeito de “eco espacial” que fez o estilo soar futurístico, o que deu a ideia para o álbum MelioraA gosto dos fãs, o álbum alcançou as expectativas passando na frente de Infestissumam e PrequilleO tema principal desse álbum é “a ausência de Deus”, segundo os integrantes da banda.

Ghost – Melioda, 2015

 

Peculiaridades

Como dizem que “a primeira impressão é a que fica”, não foi diferente com Ghost. Com uma releitura obscura do catolicismo e a representação de eventos históricos – inquisição, guerra religiosa e catequização de povos pagãos -, que  geraram conflitos culturais e sociais nos tempos antigos até os dias de hoje. A figura mais importante e marcante com certeza é o Papa Emeritus e também é claro os sacerdotes, os Nameless GhoulsVale salientar também os simbolismos que a banda carrega, como por exemplo as duas luas (crescente e minguante) no nome “Ghost“, não só por representar divindades mas também uma energia sagrada. Outros elemento é a grafia da letra “G” que representa o composto Cinábrio ou sulfeto de mercúrio. Os alquimistas acreditavam que o enxofre e o mercúrio eram componentes  fundamentais para a geração de outros elementos e tempos depois, como componentes do Elixir da Longa Vida. Os cinco instrumentos da banda também carrega seus significados que também são elementos fundamentais para tudo que existe, sendo eles: Água, Fogo, Ar, Terra e Éter, e por último mas não menos importante a cruz celta invertida que o Papa Emeritus carrega, como uma alusão ao fato de que uma frente religiosa era adversa a outra.

Freak show

Juntando tudo isso e colocando tudo no palco não daria menos que um show de horrores… mas não se deixe levar apenas pelo visual da banda, por quer eles tem muito mais que isso. Um ponto que impacta demais além do visual são as letras de suas músicas. Acredito que seja a unica banda que fala tudo de forma sedutoramente liso e memorável. Palavras como ” Lúcifer” e “Satã” é ouvida diversas vezes de forma clara e pacífica, porém, isso gera muitas discussões, críticas e polêmicas por pessoas acreditarem que se trata de uma banda satânica. Bem, se é ou não eu não sei e nem entrarei no assunto “religião/cultura”, cada um segue o que lhe convém, portanto fica a seu critério creditar ou não sobre a banda ter algum vinculo com o isso. Outros nomes bem conhecidos que seguem as mesmas peculiaridades é  Marilyn Manson, Alice Cooper, Kiss, entre outros grandes sucessos que deixaram sua marca e legado até hoje. Ghost é muito mais do que um visual impactante e significados ocultos, é uma obra de arte musical.

 

 

  • Banda: Ghost.
  • Álbum: Melioda.
  • Lançamento: 21 de agosto de 2015.
  • Produtor: Klas Åhlund.
  • Prêmios: Prêmio Grammy: Melhor Hard Rock/Metal.
  • Gêneros: Heavy metal, Doom metal, Rock progressivo, Rock psicodélico, Rock.

Amante dos livros, filmes, séries, gatos e um cafezinho.

Comentários