Se você viu esse, vai gostar desse #03

Vitória Domingues . Há 5 meses atrás

Hoje vim recomendar para vocês dois animes que amo muito e que acho que os fãs de romance tão vão gostar.

Se você viu Kaichou wa Maid-Sama…


Kaichou wa maid-sama conta a história de uma empregada e um príncipe… Brincadeira! Aqui acompanhamos Misaki Ayuzawa que é a “maid” da história, ela também é a presidente do conselho estundantil da escola e é conhecida como “Presidente demônio”. Ela trabalha secretamente como um empregada em um café temático e não quer que seu segredo seja revelado. Mas, o principe da história, Usui Takumi, descobriu seu segredo.

Vai Misaki continuar mantendo sua liderança forte e cheio de atitude na escola? Ou seu segredo vai tomar o melhor dela?

Bom, parece simples, mas esse anime é mais do que maravilhoso. Aqui a gente tem uma protagonista extremamente forte que não quer depender de homem nenhum e temos um personagem que as vezes é entender o que passa na cabeça dele, mas tudo que ele quer é conhecer Misaki e ficar do lado dela.

Vai gostar de Special A


Se conhecendo desde que tinham seis anos, Hikari Hanazono e Kei Takishima se tornaram rivais e amigos. Ambos estudam em uma escola ultra elite chamada Hakusen, eles são os melhores estudantes com Kei estando em primeiro e Hikari estando em segundo.

É aqui que começa a disputa, durante suas vidas, Kei sempre foi primeiro em tudo e Hikari tudo que deseja é conseguir passar na frente dele. Mas mal eles sabem, que a rivalidade deles vai ser transformada em outra coisa.

Em ambos os animes, temos uma certa rivalidade (em maid-sama por parte da protagonista feminina), e temos personagens convivendo juntos na escola e aprendendo a se relacionar apenas das diferenças. Temos personagens de diversas personalidades e traz sempre um humor além do romance bem construido entre os protagonistas. Se você quer algo leve, divertido e com uma boa dose de romance, qualquer um desses animes é perfeito para você.

Soteropolitana, 26 anos, publicitária que ama livros, séries e filmes.

Comentários